Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 


Eu que sou curioso e fala barato...

por NSR, Quarta-feira, 08.06.11
Teria de vir aqui dizer Parabéns Figueiras!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por NSR às 21:20

2 comentários

De Barros a 14.06.2011 às 17:39

Em primeiro lugar, os meus sinceros parabéns ao casal Figueiras & Figueiras (sim, vê lá se emprestas um dos teus nomes ao Natacha que ela tem poucos).
Agora não posso esconder a minha perplexidade com esta notícia relâmpago. Nuno Alves, o indivíduo íntegro do qual já ouvi inúmeros sermões bíblicos, banaliza o acto do casamento transformando-o em algo semelhante a uma ida ao Mini-preço para comprar um caixa de Minis Super-Bock. A forma igualmente leviana com que disse que anunciou o casamento aos seus amigos do coração também me deixa estupefacto e algo triste. Do Figueiras sempre estive à espera de um casamento abençoado na Casa de Deus.
De qualquer forma, votos de felicidade e... se houver algum convite estarei lá.

De Vocês sabem quem eu sou a 15.06.2011 às 15:21

Desconhecendo eu qual o tipo de cerimónia que se irá realizar brevemente arrisco dizer que visto o N. Figueiras conhecer a Bíblia e o Código de Direito Canónico detrás para a frente se calhar o Miguel Alves não os conhece tão bem.

Isto para dizer que Igreja Católica permite o casamento de um crente com um não crente... mediante determinados compromissos.

"Parece-me natural que, se um católico se quiser comprometer para a vida com um não-católico perante Deus, os dois façam um compromisso: que o católico estimule a sua própria fé e a dos seus filhos; que o não-católico perceba a importância que essa fé tem na vida do católico e a respeite. Se a fé não é importante na vida do católico, para quê casar pelo rito católico? Se o não-católico não está aberto à importância que a fé tem para o católico…"

Quanto ao nome extra a atribuir à N. Fontes, acho o mesmo acessório. Se ela o quiser muito bem, se não, muito bem também... Certo?

Em relação às expressões "notícia relâmpago", "banalizar o acto do casamento", "forma igualmente leviana" são naturalmente tiradas provocatórias que têm, no entanto, algum substrato real por trás das mesmas. O próprio autor do post, P. Araújo, resumiu essas 5 linhas revelando-se "estupefacto e algo triste".

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Comentários recentes

  • Anónimo

    Hum hum...

  • Anónimo

    Quem não concorda com a existência do BE, deve con...

  • Anónimo

    O BdC não aproveitou o Leonardo Jardim, o Marco Si...

  • Anónimo

    Esse lugar nobre é do Benfica. Ou aceitas que seja...

  • O comuna

    O futebol é uma máfia. BdC ainda acaba na valeta.

  • Pó de Sirphoder

    Quem defende o Vieira é mau.Quem defende o Bruno d...

  • A hipocrisia

    Muito se fala do BdC, mas quando olho para os outr...

  • Abel

    Muito se poderia dizer. Mas tenho uma pergunta: co...

  • Turista

    Para quem coloca o turismo como uma fonte menor:ht...

  • Nostalgia

    Xiii... o que foram lembrar...





Links

Blogs quase medíocres mas expectaculares


subscrever feeds