Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 


Com toda a Paixão

por impressoemmeiahora, Domingo, 15.05.11

 

 

 

Obviamente que isto apenas se coloca aqui pela forma como ele diz "É verdade que o Porto nos ofereceu raparigas".

Autoria e outros dados (tags, etc)

por impressoemmeiahora às 13:16

Portugal e o Sporting

por impressoemmeiahora, Terça-feira, 19.04.11

Há muitos anos que Portugal tem uma tradição de masoquismo, desresponsabilização e orgulho na incompetência. É uma forte doença auto-imune que está imbuída no código genético social português.

Não indo muito longe no tempo desta velha nação, porque levar-nos-ia a pensar quando começou este gosto pela auto-destruição, façamos uma retrospectiva histórica:

Quando Portugal precisava reformar a sua agricultura e recursos florestais, toca a transformar o país em trigais e eucaliptais até esgotar os solos.

Quando os outros países descolonizaram o Ultramar, nós decidimos ir para Angola depressa e em força entregar o sangue dos filhos da nação em troca de coisa nenhuma.

Quando toda a Europa Ocidental se democratizava, decidimos trocar uma ditadura de direita por uma de esquerda.

Quando Portugal precisava valorizar os recursos naturais, opta pelo betão e em força. Dizia-se então que o estatuto de uma cidade se media pela altura do edifício mais portentoso (leia-se mamarracho com gaiolas, ex: Prédio Coutinho) — construído no sítio mais impróprio possível, sempre!

Quando Portugal precisava de renovar a Marinha, compra 45 caças F16 em 2ª mão, para caçar em pleno ar não se sabe bem o quê, melros talvez.

Quando os outros países da Europa decidiram apostar na ferrovia, Portugal e o seu gémeo oriental (Grécia), ao arrepio de toda a Europa, mas profundamente "iluminados", optam pelo asfalto.

Quando o Alqueva já estava obsoleto (porque o Alentejo afinal já não era o celeiro de Portugal), opta-se pela sua conclusão, com as consequências nefastas que teve para os vinhos do Alentejo.

Quando Portugal necessitava de lanchas rápidas para controlar a vasta ZEE, eis que se compram dois submarinos para brincar às escondidas no mar.

Quando Portugal precisa recuperar a sua economia, faz protocolos com a China para destruir todo o seu comércio e resolve construir um novo aeroporto e um sistema ferroviário específico de classe luxuriante.

Quando Lisboa está entulhada de carros, planeia-se uma ponte gigantesca com 3 faixas rodoviárias em cada sentido, mesmo no meio do Tejo com as nefastas consequências para o património paisagístico que se conhecem.

Quando Portugal tem 144 camas no Alcoitão para doentes em reabilitação profunda e os hospitais não dão conta do triste panorama da saúde, constroem-se 10 estádios de futebol com as consequências que se conhecem.

Nesse processo dos estádios, está envolvido Godinho Lopes, conhecido "artista" que, depois de lesar o estado em €25M, embora ilibado por falta de provas (mas não absolvido), cai de pára-quedas no Sporting e é o sinistro responsável pelo desastroso processo do novo estádio José Alvalade, processo do qual se orgulha, note-se.

Quando o Sporting é a maior potência do Atletismo nacional, ao desastroso processo de planeamento do estádio (entregue pelo "artista" a um conhecido lampião de má fama e conhecido péssimo gosto artístico) subtraia-se então todo o equipamento da modalidade mais forte do clube, em detrimento de uma maior proximidade do público ao relvado, dizia-se — mas que acaba gorada com a adição de um fosso. Como pièce-de-résistance, decore-se o Sporting, a sua imagem e a sua casa da forma mais foleira possível.

Quando o Sporting se encontra no fosso a que os primazes da arte burlística o remeteram, que melhor opção senão coroar de glória o "artista" Godinho Lopes?

Portugal não tem espelhos em casa. Portugal escolhe sempre a pior opção e orgulha-se disso, faz gala de ser parvo e... orgulha-se disso, com um sorriso tolo na cara. Portugal olha para a Europa e, ou intelectualmente desonesto ou simplesmente em negação, gaba-se que é parvo mas que tem bom coração. Mas nem para si mesmo é bom.

E o Sporting não escapa a este desígnio nacional.

"Mau perder" dirão alguns? não, é mais a frustração de lidar com pessoas que se orgulham da sua pequenez. Porque perder não se perdeu, a não ser uma oportunidade de ouro. Houve apenas uma jogada de xico-espertismo para perpetuar a tacanhez e o obscurantismo auto-destruidor.

Mas em Portugal e no Sporting os dias da tacanhez estão contados. Chegará o ponto em que o bolor que corrói as estruturas desta nação terá um bafiento cheiro tão insuportável que a mudança será inevitável e inexorável.

 

Viridis

http://www.forumscp.com/index.php?topic=31140.0

Autoria e outros dados (tags, etc)

por impressoemmeiahora às 19:55

O pessoal de Braga é assim

por NSR, Terça-feira, 19.04.11

http://www.publico.pt/Local/pj-deteve-e-libertou-suspeito-de-morte-de-homem-por-espancamento-em-braga_1490441

 

Vítima morreu três dias após a agressão

PJ deteve e libertou suspeito de morte de homem por espancamento em Braga

19.04.2011 - 09:50 Por PÚBLICO

A Polícia Judiciária identificou e deteve um indivíduo de 20 anos por suspeitas de agressão violenta de um homem de 60 anos no passado dia 9, em Braga. Devido às “lesões graves” sofridas, a vítima viria a morrer três dias depois do incidente. O suspeito foi ouvido pelas autoridades e libertado, ficando sujeito a apresentações periódicas às autoridades.

A agressão ocorreu na madrugada de dia 9 quando António Peixoto, de 60 anos, se dirigiu, como habitualmente, a uma roulotte de comida em Braga, onde era conhecido. O incidente terá ocorrido quando António ofereceu cigarros a um grupo de jovens, um gesto que era também seu hábito. Um amigo da vítima, ouvido pelo “Jornal de Notícias”, conta que tanto António como os jovens estariam embriagados e que após a oferta de um cigarro começaram as agressões. “Ele foi logo pontapeado e espancado. Eram para aí uns cinco ou seis”, relatou a testemunha ao jornal.

Depois de assistido no local pelo INEM, a vítima foi transportada para o Hospital de Braga onde acabou por morrer no passado dia 12.

Ontem, a Polícia Judiciária avançou em comunicado que identificou e deteve um homem, um estudante universitário de 20 anos, sobre o qual recaem “fortes indícios da prática de um crime de ofensa à integridade física, de que resultou a morte da vítima”, com quem não tinha qualquer relação, referindo-se ao incidente em Braga.

De acordo com a polícia, “o autor, de surpresa e sem que nada o fizesse prever, em plena rua, desferiu violentos golpes a pontapé na vítima causando-lhe lesões graves”.

Após ter sido ouvido, o indivíduo ficou sujeito a apresentações periódicas às autoridades e impedido de se ausentar do território nacional.

Segundo o “Jornal de Notícias”, o suspeito é aluno na Universidade Católica Portuguesa, no Campus Camões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por NSR às 19:50

Há pelo menos um fã de Sócrates

por NSR, Sexta-feira, 15.04.11

Um ser humano de inquestionável sabedoria e bondade.

 

Temos pois que respeitar a sua opinião em relação a Sócrates.

 

 

 

 

 

Queria aqui também deixar mais um momento único de comédia por parte do mesmo indivíduo:

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por NSR às 23:53

Xico Monteiro acha que não foi enganado

por NSR, Segunda-feira, 11.04.11

20/02/2011

 

 

 

01/03/2011

 "Não aceitarei nenhum cargo partidário, nem governativo. Está assente, determinado não volto atrás!"

 

 

10/04/2011

  http://www.publico.pt/Política/fernando-nobre-e-candidato-do-psd-a-presidencia-da-assembleia-republica_1489162

 

Fernando Nobre, presidente da AMI, será o cabeça-de-lista por Lisboa do PSD e será indigitado presidente da Assembleia da República se o partido ganhar as eleições.

 

*Título deste post editado de "Xico Monteiro foi enganado" para "Xico Monteiro acha que não foi enganado"

Autoria e outros dados (tags, etc)

por NSR às 21:04

Impresso em Crescimento

por impressoemmeiahora, Sexta-feira, 01.04.11

Como é possível? Serão os comentários plenos de cultura do Barros? O Futre? A Prescília Maria? É inexplicável. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por impressoemmeiahora às 22:38

Três breves notas

por NSR, Sexta-feira, 04.03.11

Nota nº1:

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/sport/desporto/paulo-sergio-apanhado-a-conduzir-com-excesso-de-alcool

Paulo Sérgio apanhado a conduzir com excesso de álcool

O ex-técnico dos leões deslocou-se à unidade de saúde para acompanhar um colega ferido. As horas de espera no espaço terão deixado Paulo Sérgio exaltado e foi necessária a intervenção das autoridades, chamadas ao local pela administração do Hospital.

Ao CM, fonte policial explicou que Paulo Sérgio foi mandado parar na sequência dessa mesma confusão no Hospital: “Fomos chamados para acalmar os ânimos. Mais tarde, Paulo Sérgio foi mandado parar ainda perto do Hospital e multado por estar com uma taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei”.

 

 

Comentário acerca deste assunto: Não me oferece comentários de maior. A lei foi cumprida e as autoridades policiais estão de parabéns.

 

 

  

Nota nº2:

 

http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?contentID=E58CD24B-E6CE-4B83-AA1F-A13F92E328AF&channelID=00000010-0000-0000-0000-000000000010

 

Apanham ladrão e têm de pagar despesas

 

O Tribunal de Santiago do Cacém recusa-se a pagar a totalidade das despesas a um casal, residente em Queluz, que apanhou um ladrão em Sines quando estava de férias. Paula Pinela e o marido tiveram de se deslocar duas vezes ao Alentejo para serem ouvidos como testemunhas, tendo despendido mais de 170 euros de gasolina nas viagens. O tribunal diz que só paga 34 euros. 

"O arguido teve pena suspensa de um ano e meio e eu fico com um prejuízo. Interrompi o gozo das minhas férias para isto", afirmou indignada Paula Pinela.

O caso remonta a 2009. Paula e o marido estavam em Sines quando viram um ladrão a roubar uma carteira a uma senhora. O marido de Paula perseguiu o assaltante e acabou por conseguir apanhá-lo, antes de o entregar à PSP, entretanto chamada ao local. Quase dois anos depois, o casal vê-se obrigado a pagar as despesas que teve com as deslocações a tribunal para ser testemunha.

 

 

Comentário acerca deste assunto: Não me oferece comentários de maior. Arriscar a integridade física para beneficiência do próximo é de uma parolice incomensurável. Além disso poderia-se chegar ao extremo de se todos fizéssemos o mesmo haver polícias no desemprego. Parece-me que o tribunal puniu de forma assertiva este casal prevaricador.

 

 

Nota nº3:

 

Figueiras e Xico concluem a especialidade de Medicina Geral e Familiar.

 

Comentário acerca deste assunto: Algo como tirar uma nota inferior a 19 valores num exame de saída da especialidade de Medicina Geral e Familiar é algo que está ao alcance de poucos, muito poucos. Com uma astúcia claramente acima da média conseguiram-se furtar a serem englobados nesse rebanho e por isso parabernizo-os.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por NSR às 12:18


Comentários recentes

  • Anónimo

    Quem não concorda com a existência do BE, deve con...

  • Anónimo

    O BdC não aproveitou o Leonardo Jardim, o Marco Si...

  • Anónimo

    Esse lugar nobre é do Benfica. Ou aceitas que seja...

  • O comuna

    O futebol é uma máfia. BdC ainda acaba na valeta.

  • Pó de Sirphoder

    Quem defende o Vieira é mau.Quem defende o Bruno d...

  • A hipocrisia

    Muito se fala do BdC, mas quando olho para os outr...

  • Abel

    Muito se poderia dizer. Mas tenho uma pergunta: co...

  • Turista

    Para quem coloca o turismo como uma fonte menor:ht...

  • Nostalgia

    Xiii... o que foram lembrar...

  • Anónimo

    Parece o Kursk!Ups! Esse é outro elemento aqui do ...





Links

Blogs quase medíocres mas expectaculares