Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 


Por outras palavras, chupeta só para o Simão

por impressoemmeiahora, Quarta-feira, 23.05.12

Sem a presença do fundador e principal ideologo deste projecto contamos com a presença menor do estagiário. Não teve grande hipotese de falar em economia por vários motivos: estava sempre com a boca no gargalo e porque cada vez que queria falar de economia o Figueiras respondia com vulgaridades sociológicas, o Barros com a palermice do costume e eu respondia que sim, conta comigo mas eu só sei mesmo plantar alfaces. 

Se bem que Picote não é o melhor sítio para falar de economia!

Em Tierras de Miranda a economia não é paralela. Está invertida. Quem tem dinheiro guarda, quem não o tem gasta. E olhem que quem não o tem, gasta a valer. Tem lá um que praticamente só tem a roupa do corpo e dizem que sustenta, sozinho o Café Carmona. 

Atento ao desenrolar dos acontecimentos estava o Simão que via no primo um poço de sabedoria em temáticas a vulso. Entre elas o Keynesianismo, o FOREX, o FCP, o PSI-20 e aguardente picotesa ( na qual não se mostrou tão capaz e onde foi possível observar um knockout).

Valetas à parte julgo entender que após um ano de labuta intensa à volta dos numeros chego a esta conclusão:

Sem o Abel o fundo não tem investidores. Sem o estagiário os investidores não tem fundo. 

Mas porque não propõem a ninguem entrar neste fundo fabuloso que tem deixado o Abel em orgasmo crónico pelas ruas de Lisboa?

Pelo meio comprou-se um computador, dei dinheiro para essa caridade que é manter duas crianças prodígio a brincar aos correctores. Ao menos quando forem ricos espero que me ajudem no MEUS projectos com uns milhareszitos de euros (ou a moeda que tivermos na altura).

 

Ai, ai... diz o Figueiras e muito bem: "A inveja é uma coisa feia. Ainda por cima é de esquerda"... e ve-la assim preto no branco é humilhante.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por impressoemmeiahora às 13:49

11 comentários

De Tino a 23.05.2012 às 18:19

"Sem o Abel o fundo não tem investidores. Sem o estagiário os investidores não tem fundo."

Óptimo resumo.

Mas porque não propõem a ninguem entrar neste fundo fabuloso que tem deixado o Abel em orgasmo crónico pelas ruas de Lisboa?"

Pela minha parte sucumbi às críticas atrozes do Barros ao projecto D.Branca. Não voltarei a pedir/sugerir a entrada a ninguém nos nossos "negócios da banha da cobra". Vou cá estar só para contar a história e rir-me um pedaço.
Se o Abel tiver outra ideia em relação a isto eu apenas farei como ele me mandar, nada mais. Portanto agora que já passei o menino para as mãos de outrem estou safo nesta temática.

"Ao menos quando forem ricos espero que me ajudem no MEUS projectos com uns milhareszitos de euros (ou a moeda que tivermos na altura)."

Vais ter de pedir ao Simão, ele é que vai ser rei e senhor. Pode ser que tenhas sorte, depende da comida que lhe deres entretanto.

De Abel a 23.05.2012 às 19:56

Eu podia falar muito sobre este tema mas neste momento não me apetece nem tenho tempo pois tenho um jantar de Congresso.

De qualquer forma, parece-me uma discussão parva a médio prazo. Será tanto que até as migalhas farão alguém rico. Exceptuando o Barros: a sua fibrose mental não poderá ser esquecida ou desvalorizada. Nem é porque não o mereça, é simplesmente porque sei que não fará nada que se aproveite com ele.

Já agora, já perdi a conta às vitórias consecutivas. Vamos em não sei quantas no ténis mas o Rodrigues é que tem as contas actualizadas.

De Barros a 24.05.2012 às 18:09

Depois de ver um homem a passar uma semana de férias e convívio com os amigos, na qual estava permanentemente colado ao computador, não precisei de ver ou ouvir mais nada, as prioridades dele ficaram claras. Não consigo adjectivar a sua mente.
Assumo-me como um individuo de certa forma desprendido do que é puramente material.

De Anti-Barros a 25.05.2012 às 10:54


"Assumo-me como um individuo de certa forma desprendido do que é puramente material."

Agora leiam outra vez mas com a figura do Barros na vossa cabeça. Não é engraçado? É como aquelas palavras que ditas várias vezes perdem o sentido e depois acabam na risota geral.

De Abel a 25.05.2012 às 20:03

"Assumo-me como um individuo de certa forma desprendido do que é puramente material"

Acho que ainda não destilaste tudo aquilo que bebeste em Picote.

De Tino a 26.05.2012 às 12:06

O que eu me ri com isto!!!

De Barros a 27.05.2012 às 22:28

Sinto-me na obrigação de trazer alguma emoção a este blog que só discute cifrões e apostas.
Uma ideia: uma vez que o fundo é tão fértil, que tal aplicar uma parte ínfima dos lucros para as férias do grupo?

De Abel a 27.05.2012 às 22:57

Eu não sei se estou a ler bem...

Queres que o Fundo te pague as férias?....

Continua a escrever... estas cada vez melhor!

De Barros a 28.05.2012 às 12:57

Abel, devias ter trabalhado mais na interpretação dos textos na primária. Eu sugeri aplicação do fundo nas férias, sob a forma de subsídios de diversas formas, para o grupo e não para mim em especial. Até pode dar jeito para lavar uns euros...

De Abel a 28.05.2012 às 13:51

Vou reanalisar então novamente a questão à luz de um silogismo.

Premissa maior: Todas as opiniões do Barros são destrutivas e não devem ser levadas a sério.

Premissa menor: O texto anterior é uma opinião do Barros.

Conclusão: O texto anterior é destrutivo e não deve ser levado a sério.

Portanto, na minha organização mental sumária e primitiva, este é um assunto encerrado.

Queres ir de férias, PAGAS!




De Tino a 28.05.2012 às 17:31

Um euro hoje, são 120 euros daqui a 4 anos.

E daqui a 8 anos cada euro estará transformado em 14400 euros.

Assim sendo nem um cêntimo pode ser retirado do sistema para as férias do grupo ou qualquer outro motivo.

Estou certo que o Abel não se importará de te pagar uns finos nas férias se é essa a grande questão que te preocupa.

Mas por cada fino que ele te pagar faz as contas e pensa no dinheiro que estarás a evitar que o fundo D.Branca ganhe no futuro.

Comentar post



Comentários recentes

  • Anónimo

    O BdC não aproveitou o Leonardo Jardim, o Marco Si...

  • Anónimo

    Esse lugar nobre é do Benfica. Ou aceitas que seja...

  • O comuna

    O futebol é uma máfia. BdC ainda acaba na valeta.

  • Pó de Sirphoder

    Quem defende o Vieira é mau.Quem defende o Bruno d...

  • A hipocrisia

    Muito se fala do BdC, mas quando olho para os outr...

  • Abel

    Muito se poderia dizer. Mas tenho uma pergunta: co...

  • Turista

    Para quem coloca o turismo como uma fonte menor:ht...

  • Nostalgia

    Xiii... o que foram lembrar...

  • Anónimo

    Parece o Kursk!Ups! Esse é outro elemento aqui do ...

  • Anónimo

    Não pode ser. Temos de salvar este Salgueiros.





Links

Blogs quase medíocres mas expectaculares